• Livros Vikings

MOEDAS ENCONTRADAS NA POLÔNIA PODEM TER SIDO UM RESGATE PAGO AOS VIKINGS

Especialistas acreditam que 118 moedas de prata encontradas na Polônia pertençam a um resgate pago pelos franceses aos vikings para interromper o cerco da cidade de Paris.


Moedas encontradas na Polônia podem ter sido um resgate pago aos vikings

Um tesouro de 118 moedas de prata foi encontrado no campo de um agricultor na cidade polaca de Biskupiec. Uma equipa de arqueólogos acredita que as moedas possam fazer parte de um resgate pago para impedir uma horda viking de saquear Paris, durante o cerco à capital francesa em 845.


Apoie a Livros Vikings...

As moedas estão cunhadas pelo Império Carolíngio do Rei Carlos Magno, escreve o All That’s Interesting. Através das suas conquistas no estrangeiro e das suas reformas internas, Carlos Magno ajudou a definir a Europa Ocidental e a Idade Média na Europa, reinando sobre a Alemanha, Suíça, norte de Itália e grande parte da França moderna.


O Cerco de Paris marcou o primeiro exemplo de “Danegeld” — pagamento aos vikings em troca de segurança.


“Se um número maior de moedas pode ser atribuído a Paris, então sim, é possível — e algumas já foram atribuídas a Paris”, disse o arqueólogo e especialista em moedas da Universidade de Varsóvia Mateusz Bogucki. “É muito cedo para dar tal interpretação”.


Os especialistas sugerem que 117 das moedas pertençam aos sucessores de Carlos Magno, o rei Luís, o Piedoso, que reinou de 814 a 840 d.C. e uma ao rei Carlos, o Calvo, que governou até 877 d.C.


Os especialistas estão agora a tentar avaliar quem enterrou estas moedas e que propósito terão servido.


Publique seu livro pela Livros Vikings Editora.

Curiosamente, o primeiro reino medieval polaco ainda nem existia quando estas 118 moedas foram perdidas ou enterradas. Bogucki acredita que as moedas em questão foram obtidas em Truso, onde os vikings comercializavam peles, escravos e âmbar.


Uma das teorias dos especialistas é que estas moedas tiveram origem em Truso e foram usadas como pagamento de resgate pelo rei Carlos, o Calvo, aos vikings que preparavam o ataque a Paris.


Consta que Carlos, o Calvo, pagou aos vikings 7.000 libras francesas (mais de cinco toneladas de prata e ouro) e que as 118 moedas de Biskupiec faziam parte desse montante.


“O funcionamento do assentamento em Truso e a atividade relacionada dos vikings é atualmente a pista mais legível que pode indicar como é que o tesouro chegou ao território da antiga Prússia”, disse Lukasz Szczepański, líder da equipa de investigadores.


“No século IX, notamos um claro aumento na ameaça representada pelos vikings participando das invasões da Europa Ocidental. Por exemplo, Paris está cercada em 845. Ao mesmo tempo, os escandinavos estão a ativar o comércio na zona do Báltico”, acrescentou.


FONTE: ZAP.aeiou

COSTA, Daniel. Moedas de prata encontradas na Polónia podem ter sido resgate pago a invasores vikings. ZAP.aeiou. Matosinhos, 14 de jun. de 2021. Disponível em: <https://zap.aeiou.pt/moedas-prata-resgate-invasores-vikings-408664>. Acesso em: 14 de jun. de 2021.


Seja uma das primeiras pessoas a receber as novidades do Mundo Viking, assinando a nossa Newsletter ou adicionando-nos em seu WhatsApp... Siga-nos nas Redes Sociais.


#viking #vikings #eraviking #medieval #moedasvikings #polônia #vikingsnapolônia #livrosvikings

44 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo